1º DESAFIO CONEPE

 

1º Desafio CONEPE de Criatividade e Inovação

TEMA: Cidades Humanas, Inteligentes e Sustentáveis

 

REGULAMENTO

 

1. INTRODUÇÃO

         O 1º Desafio CONEPE de Criatividade e Inovação surge num cenário mundial adverso, em que a aquisição de novas habilidades e capacidade adaptativa são importantes componentes para a formação das novas gerações de profissionais dos mais diversos setores da sociedade. Pensando assim, o Desafio CONEPE de Criatividade e Inovação busca estimular os alunos a desenvolverem alternativas sustentáveis e inovadoras que possam ser aplicadas às cidades.

 

2. DOS OBJETIVOS GERAL E ESPECÍFICOS

2.1. Objetivo Geral

Estimular ideias inovadoras quanto ao aprimoramento ou desenvolvimento de ações, tecnologias, metodologias, modelos ou processos, que possam colaborar com a diminuição dos problemas das diversas áreas da sociedade.

 

2.2. Objetivos Específicos

- Reconhecer e premiar os melhores trabalhos das equipes finalistas fortalecendo a troca de conhecimento e experiências no âmbito do Instituto Federal Fluminense;

- Incentivar o protagonismo dos estudantes diante de uma situação problema em que o mesmo necessite realizar trabalho em equipe, tomar decisões, gerenciar recursos e tantas outras atividades importantes na atualidade;

- Contribuir para a formação cidadã, habilitando os participantes a atuarem de forma interdisciplinar, criativa e tecnológica no mercado de trabalho e em suas comunidades;

- Estimular o pensamento, a inovação e ações comprometidas com o desenvolvimento sustentável;

- Incentivar a interdisciplinaridade.

 

3. TEMA: CIDADES HUMANAS, INTELIGENTES E SUSTENTÁVEIS

São consideradas cidades inteligentes aquelas que otimizam a utilização dos recursos, a mobilidade e os serviços para atender melhor aos cidadãos. Isso vale para ações nas áreas ambiental, social, econômica, educacional, institucional ou cultural, fortalecendo a governança participativa. Essas cidades utilizam a tecnologia a fim de buscar soluções sustentáveis para os problemas e melhorar a infraestrutura, a mobilidade urbana, o uso de energia, o planejamento urbano, a coleta de lixo, o controle da poluição do ar, dentre outros.

As soluções sustentáveis buscam atender as necessidades da sociedade sem comprometer os recursos naturais atuais e das gerações futuras. Isso se torna necessário pois, no processo de urbanização (que está diretamente ligado ao crescimento populacional e aumento do tamanho) as cidades enfrentam o enorme desafio de garantir o bem estar de todos os habitantes.

Diante do cenário, teremos que adaptar o planejamento das cidades e organizações a esses novos tempos. A proposta do 1º Desafio CONEPE de Criatividade e Inovação, é promover ideias sobre esse tema,  e para isso, as propostas de trabalho deverão contemplar grandes eixos temáticos como: Saúde Pública; Educação, Arte e Cultura; Justiça e Segurança Pública; Meio Ambiente; Desenvolvimento Regional e Cidadania; abordando direta ou indiretamente, por exemplo,  uma ou mais das seguintes linhas temáticas:

  1. Combate a zoonoses e epidemias;

  2. Saneamento básico, tratamento de água, esgoto e coleta de lixo;

  3. Desenvolvimento urbano sustentável;

  4. Energia renovável;

  5. Transporte público, mobilidade urbana e veículos autônomos;

  6. Segurança pública;

  7. Infraestrutura e prédios inteligentes;

  8. Sensoriamento participativo do cidadão;

  9. Bem-estar dos moradores;

  10. Redução da poluição do ar;

  11. Escolas inovadoras;

  12. Artes e cultura nas cidades humanas inteligentes;

  13. Políticas públicas para cidades humanas inteligentes;


4. PÚBLICO ALVO

Poderão participar deste desafio alunos regularmente matriculados em qualquer um dos cursos oferecidos pelo Instituto Federal Fluminense, desde que tenham como orientador um servidor.


 

5. INSCRIÇÃO DAS EQUIPES E DAS PROPOSTAS

As equipes participantes do 1º Desafio CONEPE de Criatividade e Inovação poderão ser compostas por 2 a 6 estudantes e um  orientador. As equipes poderão ser organizadas da seguinte forma:

  • Modalidade 1 - INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR - equipes de alunos do ensino médio técnico;

  • Modalidade  2 - INICIAÇÃO CIENTÍFICA -  equipes de alunos da graduação;

  • Modalidade  3 - PESQUISADOR - equipes de alunos da pós graduação.

Um estudante pode ser inscrito em apenas uma equipe. A inscrição de um discente em mais de uma equipe implicará na desclassificação das duas equipes.

A equipe deve estar relacionada a somente uma modalidade e poderá ser composta por estudantes dos diversos níveis de ensino, sendo obrigatório identificá-la de acordo com a modalidade correspondente ao estudante com o maior nível de ensino. Cada equipe poderá apresentar apenas um projeto. 

Todos os membros da equipe precisam estar inscritos no site do evento antes do envio da proposta. Propostas cujos membros não estejam previamente cadastrados no site do evento, não serão avaliadas.

O seguintes tópicos deverão ser abordados na proposta do projeto, conforme modelo de documento que pode ser acessado clicando aqui

  1. Título do Projeto;

  2. Dados do orientador e dos estudantes membros da equipe;

  3. Resumo e palavras-chave;

  4. Introdução;

  5. Materiais e Métodos;

  6. Proposta para o desafio;

  7. Conclusões;

A inscrição da equipe e o envio das propostas deverão ser realizadas pelo orientador. Este deverá preencher o formulário online, disponível aqui

Para exposição da ideia inovadora, é facultado às equipes utilizarem materiais e ou recursos de sua preferência, como por exemplo: simuladores, aplicativos, jogos, realidade virtual e aumentada, animações, experiências educacionais, circuitos eletrônicos, projetos arquitetônicos e urbanísticos, modelos e esquemas, materiais reciclados,  dentre outros.

As inscrições das equipes poderão ser efetuados no período de 08/09/2020 a 08/10/2020. Em caso de dúvidas, é possível contactar a equipe organizadora pelo e-mail: conepe.guarus@iff.edu.br. Além deste canal, será disponibilizado uma oportunidade de orientação com os membros da comissão organizadora do evento, no dia 24/09/2020, às 14h por videoconferência pelo aplicativo google meet. Os interessados em participar deste momento, deverão entrar em contato pelo email acima, até o dia 23/09/2020, para que seja enviado o link da sala.

 

6. SELEÇÃO DAS PROPOSTAS 

A seleção das propostas será realizada por meio de uma Comissão Multidisciplinar. As propostas serão avaliadas levando-se em consideração critérios referentes a:

  • Criatividade – está relacionado ao grau de inventividade da proposta ;

  • Viabilidade –  tem haver com o potencial da proposta em gerar resultados, considerando-se fatores econômicos e tecnológicos;

  • Relevância – avaliação da proposta quanto à sua pertinência/importância;

  • Impacto – avaliação do potencial de efeito da proposta na sociedade; 

Cada critério acima vale 10 pontos, sendo a pontuação máxima nesta etapa de 40 (quarenta pontos). Seguirão para a etapa seguinte, os trabalhos que obtiverem nota igual ou superior a 24 (vinte quatro pontos).

As propostas aprovadas nesta etapa, comporão os Anais do Evento

Os proponentes selecionados serão informados até o dia 23/10/2020, pelo e-mail  cadastrado do orientador, e pelo site do CONEPE,  podendo seguir para as etapas posteriores.

 

7. PROCESSO DE AVALIAÇÃO

O Desafio ocorrerá em duas fases de avaliação: 

    7.1. Primeira fase - Avaliação da proposta (conforme descrito nos itens 5 e 6)

asd

As equipes selecionadas na primeira fase estarão aptas a participar da Segunda Fase. Todos os trabalhos que seguirem para a segunda fase serão expostos durante o VII CONEPE no canal do Youtube do evento.

    7.2. Segunda fase - Detalhamento da Proposta

Na segunda fase as equipes terão a oportunidade de detalhar a proposta enviada.  O detalhamento se dará por meio do envio de um vídeo (conforme orientação item 9), com duração entre três e cinco minutos.

Nesta fase, a avaliação ocorrerá com base na análise do vídeo disponibilizado pelas equipes pela Equipe Multidisciplinar de Avaliação.

Serão considerados os seguintes pontos como critérios de avaliação (total 60 pontos):

  • Qualidade do vídeo (10 pontos)

  • Clareza da apresentação (10 pontos)

  • Uso de linguagem apropriada (10 pontos)

  • Domínio do assunto (10 pontos)

  • Detalhamento da proposta (10 pontos)

  • Entrosamento dos membros equipe na apresentação da proposta (10 pontos)

As 3 propostas de ideias mais criativas (que obtiverem maior pontuação total), serão premiadas  no último dia do evento.

 

9. ORIENTAÇÕES PARA PRODUÇÃO DOS VÍDEOS

A defesa das propostas deverão ser produzidas em vídeo, sendo o orientador responsável pelo envio à  Comissão Organizadora do evento, conforme orientações abaixo:

  1. Duração entre três e cinco minutos;

  2. Utilize uma câmera ou celular (neste caso, utilize preferencialmente a câmera traseira, pois geralmente tem melhor qualidade), se possível utilize suporte para evitar a instabilidade da imagem, com o aparelho na posição horizontal;

  3. Escolha um espaço adequado para gravação dos vídeos, com boa iluminação (evite ficar contra a luz, ou seja, não deixe nenhuma lâmpada forte ou janela atrás de você) e cenário adequado para a finalidade do vídeo;

  4. Cuidado com o áudio, o ambiente de gravação não deve ter ruídos, um bom áudio é essencial para boa compreensão do conteúdo, utilize preferencialmente um microfone externo, como os acoplados aos fones de ouvido para diminuir a captação dos ruídos externos e garantir uma melhor qualidade ao seu vídeo.

  5. Busque um bom enquadramento para o seu vídeo, posicione-se de forma centralizada na tela, pense em um enquadramento que pegue do umbigo para cima e evite deixar muito espaço vazio acima da sua cabeça, atenção para não cortar partes do corpo;

  6. A gravação do vídeo deve ser feita com uma resolução mínima de 720p com 30fps (frames por segundo). Caso grave pelo celular, vá em configurações da câmera e procure por “tamanho do vídeo”. Após editado, o ideal é que o vídeo seja exportado em arquivo MP4 ou MOV.

  7. Após concluído, o vídeo (de no máximo 5 minutos) deve ser postado na plataforma Google Drive e o link compartilhado com o email conepe.guarus@gmail.com com permissão de Editor, conforme calendário proposto. Na mensagem de compartilhamento coloque "Vídeo para o Desafio CONEPE 2020 - Nome do Seu Projeto". Veja as como fazer o compartilhamento abaixo:
     

​Passo 1 - Acessando a tela de compartilhamento no Googe Drive


​Passo 2 - Fornecendo direitos de "Editor" e adicionando a mensagem na tela de compartilhamento

Não nos responsabilizamos por vídeos que não forem gerados conforme essas orientações. A certificação e publicação nos anais do evento está condicionada ao envio dos vídeos para publicação no site do congresso. O autor deve se responsabilizar pelo conteúdo apresentado, obedecendo direitos (permissão) de imagem para crianças e adultos, direitos autorais para imagens e para trilha sonora produzida por outras pessoas ou empresas.

 

9. DA PREMIAÇÃO

Serão premiados com troféus e receberão menção honrosa no último dia do evento, os 3 trabalhos que obtiverem maior pontuação total (seguindo a ordem decrescente para 1º lugar, 2º lugar e 3º lugar, respectivamente). 

Caso haja trabalhos com a mesma pontuação, as maiores notas obtidas nos critérios: Criatividade, Viabilidade, Relevância e Impacto (nesta ordem) serão utilizados para o desempate. 

A comissão organizadora do VII CONEPE, identificará e  oferecerá menção honrosa “DESTAQUE NA INTERNET” para os trabalhos com maior número de curtidas nas redes sociais do evento.

DESAFIO DATA/PERÍODO LOCAL
Inscrição das equipes e envio de propostas 08/09/2020 a 08/10/2020  Formulário disponível em: https://forms.gle/wudC78ubNZVsiYK18
plantão para orientações 14/09/2020 às 14h Google Meet (link enviado para aqueles que solicitarem esclarecimentos via email)
Resultado da seleção das propostas 13/10/2020 E-mail cadastrado pelo orientador
Envio de vídeo para segunda etapa da avaliação 23/10/2020 a 06/11/2020 Compartilhamento via Google Drive com o email conepe.guarus@gmail.com
Divulgação dos melhores trabalhos 27/11/2020 Canal do CONEPE 2020 no Youtube. Acesse aqui.